PEX - Tubulações

Solução pode ser usada em sistemas para condução de água quente ou fria, além de instalações de gás GN ou GLP e ar-condicionado. Mas não deve ficar exposta aos raios UV


Flexíveis, os tubos PEX têm como benefício principal a redução de conexões necessárias nos sistemas de água, gás e ar-condicionado. No entanto, o projetista precisa estar atento para evitar ângulos acentuados, pois curvas fechadas causam tensões internas que resultam na instabilidade do conjunto.


Fabricado a partir de polietileno reticulado, o produto é indicado para condução de água quente ou fria, ar-condicionado e gás GN ou GLP. Os tubos PEX contam com conexões metálicas do tipo anel deslizantes (slide fit) com corpo constituído de latão. São altamente resistentes à pressão e temperatura, além de serem de fácil instalação. Estão disponíveis nos diâmetros de 16, 20, 25 e 32 mm


ESPECIFICAÇÃO

Geralmente, a solução é especificada para instalações nas quais as temperaturas excedem os 80°C. Porém, não há contraindicações para condução de elementos mais frios, como água ou gás.


Por outro lado, o produto deve ser evitado em conjuntos que ficam expostos aos raios UV.


O primeiro passo para o desenvolvimento do projeto é analisar o sistema construtivo da edificação. “Assim, é possível realizar as adequações necessárias. O material é compatível com diferentes soluções, como drywall, alvenaria convencional e estrutural.

O responsável pelo projeto deve levar em consideração a baixa perda de carga devido à diminuição de conexões ao longo do sistema. Os tubos PEX podem ser usados de maneira mais simples, alterando o alinhamento das instalações e tornando-as personalizadas, dependendo das necessidades.

Fabricado a partir de polietileno reticulado, o produto é indicado para condução de água quente ou fria, ar-condicionado e gás GN ou GLP.

INSTALAÇÃO

Os tubos PEX são muito fáceis de instalar. Uma tesoura corta-tubos é utilizada para deixar o produto no tamanho ideal. Com o aproveitamento de alargador ou prensa, é possível montar todo o sistema. “A simples verificação a olho nu é capaz de determinar se a execução do projeto foi bem realizada ou não; mas o uso de ferramentas para teste de estanquidade é necessária para garantir o sistema.


Durante a instalação, é utilizada ferramenta que desliza o anel metálico sobre o tubo, gerando estanqueidade mecânica entre o cano e a conexão. O processo de execução pode ser realizado sem a quebra das paredes, evitando a geração de entulho e detritos.


VANTAGENS E DESVANTAGENS

Uma grande vantagem da solução é sua flexibilidade, que permite ao instalador montar quantas curvas forem necessárias e sem a necessidade de usar conexões tipo cotovelos/joelhos. Essa característica ajuda nos cálculos hidráulicos, pois permite menor perda de carga. Além disso, a resistência à temperatura e pressão são propriedades importantes, pois em um único tubo é possível passar água quente ou fria.


A flexibilidade da solução gera, ainda, economia financeira e de tempo. É possível encontrar no mercado sistemas pré-montados, chamados de kits. Esses produtos permitem a instalação de um ambiente com poucas conexões, pois a maior parte do sistema já vem montada de fábrica.


A grande desvantagem dos tubos PEX é que o produto ainda não é viável para grandes diâmetros – maiores do que 32 mm –, pois, acima dessa medida, aumenta muito a rigidez do tubo, dificultando seu manuseio. É, portanto, contraindicado o uso do material em determinados tipos de obra, como dentro de edifícios, entre o reservatório superior e a entrada do apartamento. “Esses trechos são de grandes diâmetros para conduzir elevadas quantidades de água para todos os apartamentos do andar.

A partir do momento em que o tubo chega ao pavimento e entra no apartamento, a água passa a ser distribuída apenas para aquela unidade e os diâmetros diminuem. O PEX é utilizado exatamente aí, no sistema interno dos apartamentos.

Outro fator negativo é que nas instalações do tipo ponto a ponto, quando não há derivações no encaminhamento da instalação, a quantidade de tubos que precisa ser empregada é maior se comparada à exigida pelos materiais convencionais.

Os tubos PEX podem ser usados de maneira mais simples, alterando o alinhamento das instalações e tornando-as personalizadas, dependendo das necessidades

VIDA ÚTIL

O produto apresenta grande resistência química e à corrosão, o que torna sua vida útil bastante elevada. Se forem corretamente especificados e executados, os tubos PEX têm capacidade de manter suas características por mais de 50 anos.


PESO

Os tubos PEX são mais leves do que os demais produtos disponíveis no mercado. Para diâmetros iguais, a solução é cerca de sete vezes mais leve do que os canos de cobre e 13 vezes em relação aos materiais fabricados a partir do aço. A solução é comercializada em rolos de 100 ou 50 m. Uma única pessoa pode carregar 200 m sem dificuldade, o que não ocorre nos sistemas rígidos de barras.


CUSTO-BENEFÍCIO

Para instalações hidráulicas e de gás, os tubos PEX são alternativa que apresentam a melhor relação custo-benefício. Se for levado em consideração somente o investimento no produto, os valores são maiores. No entanto, quando inseridas na equação variáveis como mão de obra, tempo, logística, armazenamento e manutenção, a solução acaba sendo financeiramente mais interessante. Outra característica é o fato de a solução ser comercializada em bobinas, permitindo o corte na metragem necessária para aplicação, sem desperdício.



®

© 2017 por ConstruÁgil.
Proibida a reprodução do conteúdo sem autorização.

BR-101, Km. 125, Nº 12.500

Canhanduba, Itajaí - SC

(47) 3346-4546        47 996740411

    

  • ConstruÁgil
  • 47 999340838
  • Facebook Social Icon